FRUTOS DO AVANÇO

O programa 2022: O Brasil que Queremos vai ao ar toda quinta-feira, às 22h, na TV SUPREN, canal 2 da NET em Brasília.

Em setembro de 2019, o programa 2022: O Brasil que queremos contou com a presença de quatro convidados: Leonardo Gross, empreendedor na área de saúde; Samuel Goldenberg, professor e cientista da Fundação Oswaldo Cruz e do Instituto Carlos Chagas; a professora Maria Lúcia Pinto Leal, diretora do CEAM na UnB; e Rudinei Marques, atual presidente da União Planetária.

No bate-papo com Leonardo Gross, a pauta foi sua história e os caminhos possíveis para o futuro da saúde do Brasil. Ele abordou também os avanços da medicina e a saúde nas últimas décadas e sua capacidade para o futuro. “A medicina das próximas décadas é uma medicina preditiva, orientada a dados estruturados, uma medicina preventiva, … essa medicina é personalizada, precisa, participativa e requer mais acesso. Ela precisa ser mais acessível”, afirmou. 

O pesquisador Samuel Goldenberg falou de sua formação em Brasília e na França, de seu trabalho como pesquisador na Fundação Oswaldo Cruz e no Instituto Carlos Chagas. “Eu sempre acreditei que o desenvolvimento científico nacional passa, necessariamente, pela descentralização do eixo Rio-São Paulo que é onde ocorre a maior concentração de massa crítica. Você tem alguns núcleos, como na Universidade de Brasília, como no Rio Grande do Sul, mas são coisas nucleares”, reforçou. 

A conversa com a professora Maria Lúcia Pinto Leal contou um pouco sobre a sua formação como aluna e como cidadã, pelo estudo na UnB, seu trabalho nos Centro Acadêmico quando estudava Serviço Social e no Diretório Central de Estudantes da UnB (DCE-UnB), com o aprendizado de socialização do conhecimento. Sobre a base da criação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), ela contou que “em 1985 foi fundado o Movimento Nacional de Meninos de Rua. Esse movimento, em que nós nos integramos, foi fundamental para incluir no debate da Constituição de 1988 o artigo 227, que trata dos direitos fundamentais da criança, direitos fundamentais da família, do Estado e da sociedade garantir os direitos fundamentais à saúde, à educação e todas as formas de direito e garantia da criança e do adolescente”. 

Já a entrevista com Rudinei Marques, presidente da União Planetária, da FONACATE e da Unacon Sindical abordou a importância do estudo de filosofia na educação, a filosofia real, ética, com compromisso com a vida. “Nós poderíamos aqui repetir as palavras do Noam Chomsky, que, além de linguista, é um grande ativista político, ele diz que a preocupação com os outros é a mais profunda e revolucionária das ideias”, exemplificou. 

   

Para assistir às entrevistas na íntegra, acesse o canal da TV SUPREN no YouTube: TVSuprenBrasília, ou na Aba “Videoteca”, deste site. Todo mês novas participações e novos temas são disponibilizados. Acompanhe-nos online e fique por dentro das novidades do programa 2022: O Brasil que Queremos.

Deixe um comentário